O MUNICIPIO DE RIO DO PRADO PARTICIPOU DO EVENTO SEMINÁRIO DE CONTROLE INTERNO NO TCE MINAS GERAIS.
Descrição


     Servidores do TCEMG falam de controle interno em seminário realizado pela Escola de Contas e Capacitação Professor Pedro Aleixo, nos dias 12 e 13 de Dezembro.
     “Os analistas de controle externo do Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais (TCEMG) Carla Tângari Fernandes, Regina Lopes de Assis e Antônio José Rodrigues fizeram palestras durante a tarde do dia 12/12/2018, no Seminário de Controle Interno que aborda o tema “Os desafios do controle interno frente às demandas atuais”. O evento está sendo realizado pelo TCE em sua sede. A chefe da Assessoria de Tomada de Contas Especial da Secretaria de Estado de Trabalho e Desenvolvimento Social, Cynthia Magalhães Godoi Quintão, também fez palestra na tarde sobre o tema “Tomadas de Contas Especiais: a experiência dos órgãos de controle interno”.
     A coordenadora da Controladoria Interna do TCEMG, Carla Tângari, falou sobre a campanha feita pelo Tribunal para conscientizar as pessoas sobre o papel do controle interno. A campanha intitulada “Você no Controle” explorou temas como governança e riscos. Carla também falou sobre o Plano Anual da Controladoria Interna e sistema de controle interno da Casa. “O papel da unidade de controle interno é comunicar os gestores e fazer auditoria interna”, disse.
     Outra servidora que fez palestra foi a analista Regina Lopes. Ela é gestora do projeto “Contribuir para o aprimoramento da atuação do controle interno do jurisdicionado” no TCE. O projeto criou um canal exclusivo de diálogo entre o Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais (TCEMG) e o jurisdicionado. Segundo Regina Lopes, por meio do portal “Espaço do Controle Interno (ECI), o jurisdicionado encontra meios de se capacitar e de realizar atividades integradas com o TCE. “Se todos nós agirmos, teremos melhores resultados como em um efeito borboleta”, contextualizou.
    “Fizemos uma pesquisa em cinco municípios da Região Metropolitana e verificamos deficiências na atuação do controle interno. Muitos nem sabem qual é o papel do controle interno”, explicou Regina. O portal também vai trazer legislação, conceitos, importância do controle interno, entre outras informações.
     A chefe da Assessoria de Tomada de Contas Especial da Secretaria de Estado de Trabalho e Desenvolvimento Social, Cynthia Magalhães Godoi Quintão, falou sobre a experiência dos órgãos de controle interno nas Tomadas de Contas Especiais. Ela disse que a Secretaria tem a função de acompanhamento e gestão dos processos dessa natureza. Cynthia também falou sobre os pontos sensíveis do controle interno na condução das Tomadas de Contas Especiais. “O objetivo maior é o ressarcimento ao erário”, enfatizou.
        O servidor Antônio José Rodrigues encerrou a tarde de palestras falando sobre o relatório de controle interno na prestação de contas anual. Ele trabalha na Coordenadoria de Análise de Contas de Governo Municipais (CACGM) no TCEMG e explicou que “no encerramento de cada exercício financeiro é feita uma prestação de contas anual e também um relatório de controle interno, que deve conter um parecer conclusivo sobre as contas anuais”. Antônio também falou sobre sua experiência na área técnica do Tribunal.”
'A transparência é à base da governança e do controle interno', afirma assessor da Presidência
“O assessor da Presidência do Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais (TCEMG), Pedro Henrique Magalhães Azevedo, fez palestra, na tarde do dia 13/12/2018, durante o Seminário de Controle Interno que aborda o tema “Os desafios do controle interno frente às demandas atuais”. O evento está sendo realizado pelo TCE em sua sede. Pedro falou sobre a “Transparência como instrumento de governança e sua inter-relação com o controle interno”. Enfatizou que a “transparência é a base da governança e do controle interno” e que passou a ser um princípio básico da administração pública.
      Pedro Henrique afirmou que a transparência deve ser pensada com os olhos do cidadão e que a administração pública deve conhecer o perfil dele e atuar neste sentido. Ele explicou que as pessoas estão se informando cada vez mais por meio das redes sociais e aplicativos. “São 120 milhões de usuários de Whatsapp e 233 milhões de aparelhos celulares no Brasil, número maior que a população brasileira”, contextualizou. Na visão dele, é preciso repensar os incentivos para a transparência e “pensar fora da caixa”, atuando além da aplicação das leis somente.
      Ele também defendeu que o controle interno deve fomentar o controle social e, por isso, deve agir tendo como foco as necessidades e demandas atuais do cidadão. “Temos que repensar a forma com que as informações estão sendo disponibilizadas. É necessário abrir os dados e interagir com a sociedade. Os dados abertos são fundamentais”, ressaltou.”
Fonte:https://www.tce.mg.gov.br/Servidores-do-TCEMG-falam-de-controle-interno-em-seminario.html/Noticia/17/12/2018
Fonte:https://www.tce.mg.gov.br/-A-transparencia-e-a-base-da-governanca-e-do-controle-interno-afirma-assessor-da-Presidencia.html/Noticia/17/12/2018